terça-feira, 21 de julho de 1970

Amistoso: Brasil 2 x 0 Exeter City

Imagem do primeiro jogo da seleção brasileira contra o exeter City, da Inglaterra.
Imagem: www.wikimedia.org/Brazil-x-Exeter-City
Ficha Tecnica da Seleção Brasileira
Brasil 2 x 0 Exeter City
Unofficial Friendly: Brazil 2 - 0 Exeter City FC
© Copyright Pnlopes - All rights Reserved







Competição (Tournament): Amistoso Não-Oficial (1)
Data (Date): Terça-Feira, 21 de Julho de 1914
Estádio (Stadium): Álvaro Chaves “Laranjeiras”, no Rio de janeiro/DF
Público (Attendance): Cerca de 3.000 Expectadores presentes
Árbitro (Referee): Harry Robinson (Inglaterra / England)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Sem Registro (no Registry)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Sem Registro (no Registry)
Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (no Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off
Advertências | Cautions | Sent Off
Nenhum (none)
Nenhum (none)
Gols | Goals | Goles
Gols | Goals | Goles
1-0 Oswaldo Gomes, aos 28’/1º
2-0 Osman, aos 36’/1º
Bandeira Brasil – Brazil
Bandeira Exeter City Football Club
Go
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
At
At
At
At
Marcos C.F. Carneiro de Mendonça
Píndaro de Carvalho Rodrigues
Emmanuel Augusto Nery
Sylvio Lagreca
Rubens de Moraes Salles ©
Rolando de Lamare
Abelardo de Lamare
Oswaldo Gomes
Arthur Friedenreich
Osman Medeiros
Afrodísio Xavier "Formiga"
Go
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
At
At
At
At
Reginald “RegLoran
John “JackFort
Samuel “SamStrettle
Jimmy Rigby
James “JimmyLagan
Augustus “GusHarding
Harold “HarryHolt
Fred Whittaker
William Hunter
William Lovett
Fred Goodwin
Bandeira Coach: Ground Comitee
Bandeira Coach: Arthur Chadwick
# Não Houve Substituições
#
#
#
#
Richard “DickPym
Fred Marshall
Charles Pratt
Billy Smith
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º Tempo 2º Tempo Final 1º Tempo 2º Tempo Final Normal Altern Final
2 x 0 0 x 0 2 x 0 - - - - - -
.:: Observações - Comments ::.


.
.







Jogos contra clube e ou combinados não são considerados oficiais pela FIFA;
Até 1922 não havia um “Técnico” propriamente dito. Quem convocava e treinava a seleção brasileira era uma “Comissão Técnica”, chamada Ground Comitee. Quem fazia o papel de técnico era o representante do time dentro de campo (“Capitão”).
Na época o futebol brasileiro era dirigido pela Federação Brasileira de Sports (FBS)
Ground Comitee ou Comissão Técnica: Sylvio Lagreca e Rubens Salles.
Links Externos (External Links): www.globoesporte.globo.com/100-anos-da-selecao
Links Externos (External Links): www.bbc.com/news
Links Externos (External Links): www.exetertour1914.wordpress.com
Links Externos (External Links): www.liberoguide.com
Links Externos (External Links): www.grecianvoices.com/Brazil-2014
Links Externos (External Links): www.exeterexpressandecho.co.uk
Comitee | 1 Jogo | 1 Vitória | Empates | Derrotas | 2 Gols Pró | 0 Gols Contra

.:: Galeria de Imagens ::.
Cartaz da partida Brasil x Exeter, em 1914, a primeira da Seleção na história.
Credit: www.globoesporte.globo.com/Livro-Oficial-da-CBF
Em pé: Píndaro, Marcos, e Nery; Ajoelhados: Lagreca, Rubens Salles e Rolando; Sentados: Oswaldo Gomes, Abelardo, Friendereich, Osman e Formiga; Técnico: Sylvio Lagreca e Rubens Salles
Crérdito: www.esportes.estadao.com.br
Em pé: Jimmy Rigby, Harold Holt, Jack Fort, Samuel Strettle, Reginald Lagan, James Lagan e Augustus Hardim. Sentados: Fred Whittaker, William Hunter, William Lovett e Fred Goodwin.
Crérdito: www.wikipedia.org/Exeter-City-F.C.
Sylvio Lagreca, Rubens Salles, Arthur Griedenreich e Formiga;
Crérdito: flaviojvieira.blogspot.com.br

.:: Crônica ::.
A ligação entre o Brasil e o time inglês teve a Argentina como intermediária. A federação local havia convidado uma equipe britânica para amistosos em Buenos Aires. O Exeter City, então na 3.ª divisão, aceitou a aventura de viajar de navio depois da recusa do Tottenham.
Quando já estavam na América do Sul, os ingleses receberam o contato da Federação Brasileira de Sports (FBS). O convite era atracar no Rio para três amistosos.
O primeiro, contra um time de ingleses, o segundo, diante de uma equipe local, e por fim, o "Brasileiros XI", escalado com atletas cariocas e paulistanos.
Durante a agenda de partidas no Rio, os jogadores ingleses ainda se envolveram em confusões. "Alguns acabaram presos por conduta indecente porque foram à praia sem camisa. Na delegacia, horas de negociação para serem libertados, até um tradutor vir para ajudar", contou o historiador da Universidade de Exeter City, William Barrett. (Fonte: exame.abril.com.br)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Áustria 0 x 3 Brasil

Gabriel Jesus disputa jogada com Dragović na vitória brasileira contra a Áustria; Crédito: esportes.estadao.com.br Ficha Te...