☆ Seja Bem-Vindo(a) ao Melhor Site do Brasil - Sobre a Seleção Brasileira ☆

sexta-feira, 31 de julho de 1970

Elenco do Brasil na Copa do Mundo de 1970

.:: Terceiro Título Mundial ::.
Elenco e Comissão Técnica do Brasil na Copa do Mundo de 1970;
Em pé: Rogério (Olheiro), Cláudio Coutinho (Prep. Físico), Parreira (Prep. Físico), Félix, Joel, Leão, Fontana, Brito, Clodoaldo, Zagallo (Técnico) e Admildo Chirol (Preparador Físico); Agachados: Mário Américo (Massagista), Rivellino, Carlos Alberto Torres, Baldocchi, Piazza, Everaldo, Paulo César Caju, Tostão, Marco Antônio e Ado; Sentados: Edu, Zé Maria, Dadá Maravilha, Gérson, Roberto Miranda, Jairzinho, Pelé e Nocaute Jack (Massagista);
Crédito: www.blogdovitorprates.com.br

9ª Copa do Mundo México 1970

Após o fracasso em 1966, a seleção brasileira viveu anos de instabilidade. Aymoré Moreira entrou no lugar de Vicente Feola, mas logo foi substituído por Osvaldo Brandão. Sem bons resultados, ele caiu. Em 1968, Zagallo assumiu o comando técnico pela primeira vez. Sem definir o time tiular, porém, perdeu a vaga para o jornalista João Saldanha. O novo técnico anunciou de imediato seu time titular para as eliminatórias - as Feras do Saldanha. Em uma chave com Colômbia, Paraguai e Venezuela, o Brasil conseguiu seis vitórias, 23 gols marcados e apenas dois sofridos. O sucesso não impediu outra troca de treinador.

O presidente da CBD (Confederação Brasileira de Desportos), João Havelange, devolveu a Zagallo o cargo de Saldanha. A mudança teria sido um pedido do governo militar, que não admitia um militante do extinto Partido Comunista em um cargo de tanta visibilidade.

Apesar disso, a preparação foi muito bem feita. A comissão técnica, pela primeira vez, contava com uma equipe completa, com preparador físico, médico e massagista. Um minucioso trabalho de aclimatação, prática inédita até então, deixou os jogadores em condições de suportar a altitute e o calor (os jogos foram realizados por volta do meio-dia, exigência da TV) mexicanos.

Amplo favorito, o Brasil teve uma estreia difícil. A Tchecoslováquia chegou a sair na frente, mas Rivellino, Pelé e Jairzinho (duas vezes) viraram o placar para 4 a 1. Essa partida teve ainda um dos lances mais espetaculares da Copa: Pelé chutou do meio do campo na tentativa de encobrir o goleiro Viktor, mas a bola passou a centímetros da trave tcheca.

Campeões das duas últimas Copas, Brasil e Inglaterra fizeram um duelo à altura de suas tradições na segunda rodada. A seleção brasileira não contou com Gérson, contundido, e só conseguiu o gol no segundo tempo: Tostão driblou quatro adversários e tocou para Pelé, que passou para Jairzinho garantir a suada vitória.

Nesse jogo, outro lance ficou marcado na memória do futebol. Quando o placar ainda apontava 0 a 0, Pelé deu uma cabeçada forte e certeira no canto direito. Milagrosamente, o goleiro inglês Gordon Banks evitou o gol, praticando aquela que ficou conhecida como a maior defesa de todos os tempos.

Além de Gérson, o Brasil também não teve Rivellino contra a Romênia. Pelé, de falta, e Jairzinho deram a vantagem por 2 a 0 na metade do primeiro tempo. Os romenos diminuíram com Dumitrache e passaram a insistir nas jogadas aéreas em busca do empate. Mas Pelé fez o terceiro e tranquilizou a equipe, que ainda levaria mais um, de Dembrowki (3 a 2).

Vencidos esses três obstáculos, a seleção deslanchou. Nas quartas de final, o Peru foi goleado por 4 a 2. Na semifinal, o Uruguai até saiu na frente, mas cedeu o empate em grande jogada de Clodoaldo e levou a virada no segundo tempo, com gols de Jairzinho e Rivellino (3 a 1).

Na final, Brasil e Itália disputavam o título, a posse definitiva da taça Jules Rimet e a honra de ser o primeiro tricampeão do mundo. O primeiro tempo terminou empatado, com Pelé abrindo o placar de cabeça e Boninsegna empatando para os italianos.

Na segunda etapa, o volume de jogo verde-amarelo foi muito maior. Gérson, Jairzinho e Carlos Alberto Torres selaram a goleada brasileira por 4 a 1, encerrando uma campanha brilhante que transformou essa equipe em uma lenda do futebol. (Fonte: www.uol.com.br)

Elenco da Seleção Brasileira - Brazil National Team Squad
Nome Completo Alcunha Clube
01 GK Félix Miéli Venerando Félix Fluminense/RJ 6 7
02 ZA Hércules de Brito Ruas Brito Flamengo/RJ 6
03 ZA Wilson da Silva Piazza Wilson Piazza Cruzeiro/MG 6
04 LD Carlos Alberto Torres Carlos Alberto Santos/SP 6 1 1
05 MV Clodoaldo Tavares Santana Clodoaldo Santos/SP 6 1
06 LE Marco Antônio Feliciano Marco Antônio Fluminense/RJ 1
07 AT Jair Ventura Filho Jairzinho Botafogo/RJ 6 7
08 ME Gérson de Oliveira Nunes Gérson São Paulo/SP 4 1 1
09 CA Eduardo Gonçalves de Andrade Tostão Cruzeiro/MG 6 2 1
10 AT Édson Arantes do Nascimento Pelé Santos/SP 6 4
11 PE Roberto Rivelino Rivelino Corinthians/SP 5 3 1
12 GK Eduardo Roberto Stinghen Ado Corinthians/SP
13 CA Roberto Lopes de Miranda Roberto Miranda Botafogo/RJ 2
14 ZA José Guilherme Baldocchi Baldocchi Palmeiras/SP
15 ZA José de Anchieta Fontana Fontana Cruzeiro/MG 1 1
16 LE Everaldo Marques da Silva Everaldo Grêmio/RS 5
17 ZA Joel Camargo Joel Santos/SP
18 AT Paulo Cézar Lima Paulo Cézar Botafogo/RJ 4
19 PE Jonas Eduardo Américo Edu Santos/SP
20 CA Dario José dos Santos Dario Atlético/MG
21 LD José Maria Rodrigues Alves Zé Maria Corinthians/SP
22 GK Émerson Leão Leão Palmeiras/SP
Coach Mário Jorge Lobo Zagallo Zagallo Confederação Brasileira de Desportos
Capitão da Seleção Brasileira: Carlos Alberto Torres, em todos os jogos;
Estreantes: Félix, Wilson Piazza, Carlos Alberto, Clodoaldo, Marco Antônio, Rivelino, Ado, Baldocchi, Fontana, Everaldo, Joel, Paulo Cézar Caju, Dario, Zé Maria e Leão;
Última Copa: Félix, Brito, Carlos Alberto, Clodoaldo, Gérson, Tostão, Pelé, Ado, Roberto Miranda, Baldochi, Fontana, Everaldo, Joel e Dadá Maravilha;

Campanha Brasileira

1
1ª Rodada – 3 de Junho de 1970 – Estadio Jalisco, Guadalajara
Brasil 4 x 1 Tchecoslováquia
Rivelino, 24'
Pelé, 59'
Jairzinho, 61', 83'
Ficha Ladislav Petráš, 11'

2
2ª Rodada – 7 de Junho de 1970 – Estadio Jalisco, Guadalajara
Inglaterra 0 x 1 Brasil
Ficha Jairzinho, 59'

3
3ª Rodada – 10 de Junho de 1970 – Estadio Jalisco, Guadalajara
Brasil 3 x 2 Romênia
Pelé, 19'
Jairzinho, 22'
Pelé, 67'
Ficha Florea Dumitrache, 34'
Emerich Dembrovschi, 84'

4
Quartas de Final – 14 de Junho de 1970 – Estadio Jalisco, Guadalajara
Brasil 4 x 2 Peru
Rivelino, 11' Tostão, 15', 52' Jairzinho, 75' Ficha Alberto Gallardo, 28'
Teófilo Cubillas, 70'

5
Semifinal – 17 de Junho de 1970 – Estadio Jalisco, Guadalajara
Uruguai 1 x 3 Brasil
Luis Cubilla, 19' Ficha Clodoaldo, 44'
Jairzinho, 76'
Rivelino, 89'

6
Final – 21 de Junhode 1970 – Estadio Azteca, Cidade do México
Brasil 4 x 1 Itália
Pelé, 18'
Gérson, 66'
Jairzinho, 71'
Carlos Alberto, 86'
Ficha Roberto Boninsegna, 37'

Para acessar as escalações clique na palavra Ficha - To access the matches click on the Link Ficha
1970 Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols Pró Gols Contra Posição
6 6 0 0 19 7
Artilheiros: Jairzinho (7), Pelé (4), Rivelino (3), Tostão (2), Clodoaldo, Gérson e Carlos Alberto (1);
.:: Os Campeões - The Champions ::.
Formação do Brasil que Jogou a Final contra a Itália, em 1970;
Em pé: Carlos Alberto, Félix, Britto, Piazza, Clodoaldo, Everaldo e Chirol (Mèdico);
Agachados: Jairzinho, Gérson, Tostão, Pelé e Rivelino;
Crédito: futebolemfotos.blogspot.com.br
Como Passar pelo Encutador de Link Facilmente
Toda vez que você clicar em um link e ver a página, você estará ajudando o site em 0,001. Obrigado!

Se tiver alguma informação errada, por favor, deixe um comentário;
If you have any information wrong, please leave a comment;
Contato: E-mail: futselbra@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se Você Gostou desse post deixe um comentário
Sua opinião é muito Importante...

Postagens mais visitadas